casa rural alentejana

casa rural alentejana
casa rural alentejana de Beatriz Lamas Oliveira

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Importância das ciências/experiências no pré-escolar

  Segundo as Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar encaramos a “Área do Conhecimento do Mundo como uma sensibilização às ciências, que poderá estar mais ou menos relacionada com o meio próximo, mas que aponta para a introdução de aspectos relativos a diferentes domínios do conhecimento humano: a história, a sociologia, a geografia, a física, a química e a biologia… que, mesmo elementares e adequados a crianças destas idades, deverão corresponder sempre a um grande rigor científico.” (Ministério da Educação, 1997, p.80).
          
Em qualquer actividade, o educador deve partir das noções intuitivas das crianças sem pretender que sejam memorizadas as definições técnicas da actividade a realizar.
As actividades destinadas às crianças em qualquer nível de ensino decorrem principalmente, da manipulação e da acção da criança sobre esses objectos o que estabelece uma relação causa-efeito.

  Inicialmente, através do seu brincar e, posteriormente, de forma mais sistematizada quando acompanhada pelo adulto, a criança vai estruturando a sua curiosidade e o desejo de saber mais sobre o mundo que a rodeia. Estarão, assim, criadas as condições para dar os primeiros passos em pequenas investigações, as quais se pretendem progressivamente mais completas. (Martins, et al., 2009)

Assumindo-se que, em idade pré-escolar, as crianças estão predispostas para aprendizagens de ciências, cabe aos (às) educadores (as) conceber e dinamizar actividades promotoras de literacia científica, com vista ao desenvolvimento de cidadãos mais competentes nas suas dimensões pessoal, interpessoal, social e profissional (Zabala e Arnau, 2007)

Esta semana dedicamos um dia à ciência, englobado no tema que estamos a explorar na sala “ A Água “, procurei proporcionar às crianças, um conjunto de experiências orientadas de uma forma metodológica, relacionadas com a água, envolvendo-as assim numa aprendizagem construtiva e exploratória do Mundo, baseadas não só nas questões levantadas pelas mesmas experiências, como também nas respostas que estas proporcionam.

Assim e seguindo as orientações da brochura “ Despertar para a Ciência”- actividades dos 3 aos 6 anos, a experiência “Dissolver na Água”, teve como finalidade:


Prever, experimentar e observar o que acontece quando se misturam  diferentes substâncias em água.

Procedimentos:


1 - Apresentação do material/substâncias a utilizar
(água, azeite, vinagre, farinha, açúcar, frascos 
de vidro, colheres de plástico)   

















2 - Distribuir uma grelha a preencher individualmente pelas crianças para primeiro registar as previsões, seguidamente observar o que aconteceu e registar.






























3 -  Sistematizar o que as crianças aprenderam com a actividade, em formato grande e registar.





















sala 4 (Centro Educativo)
Educadora Carmo Dentinho

4 comentários:

  1. Parabéns pelo blogue e pela divulgação das actividades. Continuem a dar notícias do excelente trabalho que desenvolvem.

    Maria Manuel Carvalhal

    ResponderEliminar
  2. Obrigada! Não há amor como o primeiro... neste caso, comentário. Vai ficar para sempre como o primeiro comentário deste blogue.

    ResponderEliminar
  3. Parabéns pela atividade, procurava algo para fazer com o meu grupo de estágio e gostei imenso da atividade e da ideia da elaboração de tabelas (registo).

    Cumpts,
    Débora - http://123vamosaprender.blogspot.pt/

    ResponderEliminar